3 razões para Jorge Jesus não triunfar no Sporting

Uma transferência como há muito que não se via. Jesus, após seis anos “gloriosos” no Benfica, deixa a Luz para rumar ao outro lado da segunda circular. Agora no Sporting tem a dura tarefa de levar o clube ao título que lhes foge há 13 anos. Apresentamos três razões para Jesus não ser bem sucedido em Alvalade.

1605028-34097958-1600-900

Jorge Jesus é conhecido pelo seu complicado temperamento.

– Falta de aposta na formação:
Se JJ é um vencedor, não há duvidas disso. Venceu quase tudo, chegou a finais europeias e meteu o Benfica a jogar como há muito não se via. Qual é aqui o problema? O investimento nas suas equipas. O Sporting não vive na melhor condição financeira e agora com o salário de JJ a situação não melhora. No Benfica, apesar de grandes jogadores formados no seixal (Bernardo Silva, João Cancelo, Gonçalo Guedes e Ivan Cavaleiro, por exemplo) em seis anos, só apostou à séria em André Gomes. No Sporting, a formação não vive os melhores dias apesar de ter boas potências na equipa B leonina. Será que JJ vai mudar a sua forma de gestão e apostar na juventude ou tentar fazer uma omelete sem ovos?

– Divisão de poder com Bruno Carvalho:
Se os problemas dentro das quatro linhas podem acontecer, a verdade é que poderá haver conflito de interesses entre treinador e presidente. A fama dos dois é idêntica: pessoas com personalidades fortes, teimosos  e que querem tudo à sua maneira. Cada um quer o seu protagonismo mediático. Parece óbvio que acabarão por colidir quando a época não estiver a correr de feição. O início da época será crucial para entender a gestão entre os dois – Jesus não costuma começar bem o campeonato porque ainda está a tentar moldar as equipas ao seu estilo. Veremos como Bruno Carvalho reage a resultados menos positivos.

– Pressão do título:
Com Marco Silva, Bruno Carvalho já sonhava com o título. O investimento em jogadores “feitos” foi nulo e já (quase) se previa que o campeonato era um pedido grande demais. Agora com Jorge Jesus, as coisas mudam. O currículo no Benfica fala por si e não foi à toa que os investidores sportinguistas da Guiné Equatorial investiram no ex-Benfica. São 13 anos sem ganhar. Com mais ou menos jogadores, o Sporting agora com Jorge Jesus passou a ser um sério candidato ao título. Vejamos se os jogadores conseguem corresponder ao que o treinador certamente vai pedir…

Anúncios